boa leitura!

Dor de cabeça na mudança de roteiro de uma viagem



Esta história eu encontrei em uma revista de viagem e achei interessante contar...


Em dezembro de 2013 Marilda (nome fictício) comprou duas passagens da Ethiopian Airlines para viajar para a Tanzânia no mês de janeiro de 2014. Acontece que ela precisou mudar o roteiro, mantendo a mesma data porém alterando o destino para Hong Kong.


Quando solicitou a mudança para a operadora que vendeu as passagens, descobriu que a tarifa que havia pago não permitia alteração de itinerário e que, se quisesse levar o caso adiante, teria que solicitar o cancelamento da viagem à Tanzânia, pedir o reembolso e só depois comprar outras passagens.


Ela decidiu seguir em frente, cancelou a viagem à Tanzânia e comprou as passagens para Hong Kong.

Haviam informado que após 90 dias ela receberia o reembolso mas ela só viria a receber o reembolso após 133 dias após a solicitação.


E o que vemos é um tremendo descaso para com os passageiros. Este é apenas um exemplo de milhares de outros que acontecem diariamente – e muitos deles nem reembolso recebem.

Reclamação feita na revista Viagem – Outubro/2014

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Logo Mr.Shopper | Cliente Oculto - São Paulo, Brasil

Cliente Oculto & Marketing

Avenida Sena Madureira, 533 - Vila Mariana - São Paulo-SP  - Telefones: 11 3042-1197 |11 96362-1044